Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

Um dia...

Um dia precisei de me deslocar e comecei a andar

Tu já tinhas quilómetros nas pernas… 

Um dia vi todos a minha volta e precisei de falar

Tu já tinhas dito as mais belas palavras…

 

Um dia quis-me juntar aos outros meninos e brincar

Tu já sabias todos os jogos possíveis e imaginários…

Um dia comecei a conhecer o mundo e a observar

Tu já tinhas visto passar tanto por esses olhos…

 

Um dia olhei para tudo a minha volta e comecei a pensar

Tu já tinhas as tuas ideias e opiniões…

Um dia apaixonei-me por uma rapariga e aprendi a amar

Tu já me amavas desde de o meu nascimento…

 

Um dia olhei para trás e recordei

Tu já tinhas recordado todos os bons momentos…

Um dia percebi que a vida não era só vitórias e chorei

Tu já tinhas sofrido ao longo da vida…

 

Um dia tive vontade de me divertir

Tu já tinhas passado por momentos de pura diversão…

Um dia tive que optar e decidir

Tu já tinhas tomado tantas decisões…

 

Tudo isto foi ensinado, aperfeiçoado e relembrado por ti

Importante? Para todo o sempre.

Vai nascendo, crescendo e alastrando um sentimento de agradecimento

Mas será apenas isso o necessário?

 

(O poema foi entregue como presente à minha mãe no Natal passado)

 

40 comentários

Comentar post

Pág. 1/3