Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

"Os Grandes Portugueses" (19) - Sophia Mello Breyner

Nome: SOPHIA de MELLO BREYNER Andresen
Data e Local de Nascimento: Porto, 6 de Novembro de 1919
Data e Local da sua morte: Lisboa, 2 de Julho de 2004
Profissão que se notabilizou: Escritora

 

Feitos importantes:

  • Frequentou o curso de Filologia Clássica na Universidade de Lisboa entre 1936 e 1939, mas não chegou a conclui-lo.
  • Publicou os primeiros versos em 1940, nos Cadernos de Poesia. Autora de mais de vinte livros de poesia, publicados entre 1944 e 2001, escreve também contos, histórias para crianças, artigos, ensaios e teatro. 
  • É considerada uma das poetisas e escritoras de livros para crianças mais importantes da Literatura Portuguesa. Os seus livros relatam as vivências da autora durante a infância. Por exemplo, para escrever A Floresta a autora inspirou-se na quinta da avó onde costumava passar férias enquanto criança.
  • Participou activamente na oposição ao Estado Novo e é eleita, depois do 25 de Abril , deputada em 1975 à Assembleia Constituinte pelo círculo do Porto numa lista do Partido Socialista.
  • Em 1999, foi distinguida com o Prémio Camões, tornando-se assim a primeira mulher portuguesa a receber o mais importante galardão literário da língua portuguesa. Recebeu ainda o Prémio Poesia Max Jacob 2001 e o Prémio Rainha Sofia de Poesia Ibero-Americana (a primeira vez que um português venceu este prestigiado galardão . Fruto do reconhecimento ao seu trabalho foi convidada a tornar-se membro da Academia das Ciências de Lisboa.


Obra publicada:
Poesia - Poesia (1945); O Dia do Mar (1947); Coral (1950); No Tempo Dividido (1954); Mar Novo (1958); Livro Sexto (1962); O Cristo Cigano (1961); Geografia (1967); Grades (1970); 11 poemas (1971); Dual (1972); Antologia (1975); O Nome das Coisas (1977); Navegações (1983); Ilhas (1989); Musa (1994); Signo (1994); O Búzio de Cós (1997); Primeiro Livro de Poesia (1999); Orpheu e Eurydice (2001).

 

Contos - A Menina do Mar (1958); A Fada Oriana (1958); Noite de Natal (1959); Contos Exemplares (1962); O Cavaleiro da Dinamarca (1964); O Rapaz de Bronze (1965); A Floresta (1968); O Tesouro (1970); Histórias da Terra e do Mar (1984); A Árvore (1985).

 

Teatro - O Não chores minha Querida (1993); Filho de Alma e Sangue (1998); O Bojador (2000); O Azeiteiro (2000); O Colar (2001).

 

 

23 comentários

Comentar post

Pág. 1/3