Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

Sala de cinema (10) – Orgulho e Preconceito

O Um Mar de Recordações volta a dar destaque à sétima arte com a rubrica habitual Cinema em Casa. O filme em destaque é o Orgulho e Preconceito, um clássico de Jane Austen que foi amplamente adaptado no cinema, televisão e teatro. A película que aqui vai ser abordada é a última interpretação que data ao ano de 2005 e que é dirigida por Joe Wright.

A história decorre em 1797 e acompanha a história de cinco irmãs de uma família inglesa de aristocratas rurais lidando com questões de casamento, moralidade e preconceito. Keira Knightley interpreta a protagonista Elizabeth Bennet enquanto Matthew Macfadyen interpreta o seu par romântico Sr. Darcy. A premissa da película passa pelas impressões e preconceitos que se geram quando duas pessoas de mundos opostos se conhecem tendo como base os costumes e as ideias da época.

Nesta última adaptação do romance de Jane Austen há uma riqueza de detalhe na forma clara da sociedade no século dezanove e de todas as imposições na época. Os enquadramentos do director são belos e privilegiam as fabulosas paisagens de uma Inglaterra rural. A atmosfera é deslumbrante e dá destaque a fantástica fotografia de Roman Osin. Realçar também a banda sonora que é um aspecto fundamental para acompanhar os momentos narrativos que se vão desenvolvendo ao longo do enredo.

Joe Wright capturou o tom do livro e criou um romance com profundidade dos sentimentos entre as personagens. Os diálogos prendem o espectador com interpretações expressivas e inteligentes. Keira Knightley protagonizou uma notável performance como Lizzy Bennet que foi uma clara mais-valia ao filme. O drama britânico recebeu nomeação em quatro categorias para Óscar e arrecadou cerca de 121 milhões de dólares em bilheteiras. 

 Avaliação: {#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}

25 comentários

Comentar post

Pág. 1/3