Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

Os meus desejos para 2018...

O início de um novo ano é o momento perfeito para começar a criar algumas metas, uma espécie de lista de objectivos para os próximos doze meses. Nesse sentido, decidi partilhar com vocês qual vão ser as minhas principais batalhas para 2018. Como vão ver sou alguém bastante ambicioso nos meus desejos e que pretende fazer um pouco de tudo. Caso consiga concluir grande parte destes pontos, posso desde já considerar que este ia ser um ano muito acima da média. Além disso, este também é um momento muito especial, pois esta altura marca a data do sétimo aniversário do Um Mar de Recordações. Uma caminhada longa e que me deixa extremamente orgulhoso!    

 

1. Livro - Provavelmente esta deve ser a minha grande meta, quero muito que 2018 seja o ano em que publico o meu segundo livro. Depois d' A Analogia da Morte, estou extremamente focado em dar-lhe um irmão mais novo. O manuscrito aproxima-se da sua conclusão e espero em breve dar-vos boas notícias! 

2. Viajar - Eu adoro viajar, sou completamente apaixonado por conhecer novos lugares, novas culturas. Neste momento estou a viver em Londres, a cidade perfeita para poder visitar novos lugares. Nesse sentido, quero pelo menos conhecer um novo país este ano! Falta só decidir qual...

3. Curso - No final de Janeiro vou começar um curso de jornalismo na City University, em Londres. Naturalmente que uma das minhas grandes apostas vai ser uma boa performance durante estes meses, pois esta pode vir a ser a chave para abrir uma porta que ambiciono...

4. Trabalho - Este ponto está intimamente ligado com o anterior. A meta aqui é simples: voltar a trabalhar em jornalismo. Vou continuar a investir na formação para que tenha nova oportunidade de voltar a trabalhar no meu emprego de sonho. Sou um teimoso por natureza, eu sei! 

5. Ler - Nos últimos tempos não tenho lido tanto como desejava, portanto quero organizar melhor o meu tempo livre para que possa ler mais e melhor. Desde que estou a viver no Reino Unido tenho lido, quase exclusivamente, livros em inglês. Para mim, tem sido a melhor forma para ir aperfeiçoando o meu vocabulário britânico. 

6. Desporto - Desde que fui viver no estrangeiro que alguns dos meus hábitos tiveram de ser alterados. Sempre gostei de fazer desporto, é algo que me faz sentir bem e em 2017 não encontrei tempo para me focar tanto como desejava. Isso é algo que pretendo alterar ao longo destes meses. 

7. Meia-maratona - Este objectivo vêm de encontro com o último. Algo que tenho imensas saudades de fazer é correr uma meia-maratona, portanto caso esteja preparado fisicamente não vou perder a oportunidade de me voltar a desafiar. Espero solenemente estar pronto para que a meio do ano consiga concretizar este desejo! 

8. Organização - Provavelmente o ponto nuclear de toda esta lista, preciso de organizar o tempo da melhor forma. Nesse sentido, vou ter de criar prioridades para conseguir tornar os dias o mais produtivos possíveis. É caminho andado para que tudo esteja mais perto de ser atingido... 

9. Confiança - Algo que quero em 2018 é acreditar mais em mim, naquilo que consigo e posso fazer. Sair de 2018 com uma confiança renovada será uma das minhas grandes vitórias. Vai ser uma luta diária, mas com esforço e dedicação tudo vai correr bem...

10. Blogue - Dar mais atenção a este espaço é vital e eu vou esforçar-me para que este novo ano traga muitas partilhas. Vou trazer uma maior assiduidade ao Um Mar de Recordações com mais capítulos sobre a minha aventura em Londres e outros devaneios.  

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||

A vida num sopro...

Corre, vive, sonha... Supera-te, não imponhas limites aos teus objectivos.Tu és capaz de qualquer coisa! Ousa sempre fazer algo melhor do que aquilo que fizeste no dia anterior, nunca te deixes estagnar em algo. Procura sempre evoluir mais um pouco porque é sempre possível crescer mais. A vida é feita de evolução, de crescimento. Por isso nunca deixes ninguém dizer que tu não és capaz de conquistar algo, mostra-lhe que consegues fazer ainda mais. No fundo, nunca deixes de te valorizar. Olha em tua volta e procura soluções aos teus problemas, não vires a cara à luta, pois tu és capaz daquilo a que te propões. Levanta a cabeça e luta, luta sempre!  

 

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||

O importante é insistir

Erguem-se desafios, alguns parecem ser quase inalcançáveis . Contudo, por mais difíceis que esses obstáculos sejam não vou ficar parado, vou continuar a lutar em buscar de uma oportunidade para brilhar. Não vou descansar até voltar a tê-la! Não vou ser derrotado, apenas descanso quando conseguir conquistar um lugar que mereço. Reconheço que esta é uma estranha sensação, mas tenho que aproveitar as oportunidades a que isso me permite. Posso preparar-me para quando o momento chegar poder desfrutar tudo ao máximo. Vou continuar a ter pensamento positivo. Não vale a pena desesperar, sei que irei ter essa chance e quando ela chegar vou agarrá-la e mostrar tudo aquilo que tenho para dar. Posso até ter várias decepções ao longo do caminho, mas não vou deixar de acreditar que tudo vai ficar melhor. Não me permito isso. Por muito complicado que seja, não vou parar. Nunca! Sei que isto não é um simples sonho, é o meu futuro. É a realidade! Irei continuar a insistir, até chegar finalmente ao caminho certo. Não vou esconder, adoro desafios complicados, permite trazer o melhor de mim. A verdade é que é preciso continuar a tentar e nunca desistir, ir sempre à procura do sonho. Não vou desistir, pois sei que este é o meu propósito Só preciso de uma oportunidade, dás-ma?

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||

Em busca de um sonho...

"A vida é uma escolha sistemática, somos influenciados pelas nossas decisões ao longo da nossa existência. É um mundo de opções, umas são fáceis, outras perseguem-nos para sempre. A verdade é que após uma reviravolta há sempre mais uma, nunca há espaço para descansar… A vida não passa de um caminho feito por várias estradas e desvios, onde nada é certo, nada é garantido. O futuro é cheio de surpresas, e somos constantemente aliciados a atalhos e a facilitismos que nos afastam do nosso real propósito. O mundo está cheio de propostas heróicas prontamente abandonadas. No fundo, se as boas decisões fossem fácies, certo era que elas apareceriam com maior frequência…" in A Analogia da Morte

Passamos os dias a sonhar, à procura de conquistar os nossos objectivos, de forma a tentar encontrar o caminho certo. Lutamos incessantemente, sem nunca desistir mesmo apesar das derrotas pelo caminho. É por isso que as vitórias são mais saborosas quando aparecem através do fruto da dedicação e do trabalho. Como já devem ter percebido, vou muito em breve começar uma nova aventura. Segunda-feira marca o dia de um novo começo. Assim sendo, a minha vida vai mudar por completo. Uma dessas mudanças é que, muito provavelmente, não vou ter acesso à Internet diariamente o que desde logo me vai fazer quebrar um pouco do ritmo de publicação que já tenho há vários meses. É verdade nestas próximas semanas vou estar um pouco ausente, mas será por uma belíssima razão. Entretanto vou publicando quando conseguir ter Internet e disponibilidade. Depois de uma adaptação natural, estou certo de que tudo voltará ao normal com dois posts semanais. Estou ansioso para esta nova fase, mas confesso que vou com o coração apertado. Agora é altura de cruzarem os dedos por mim e desejarem-me muita sorte! 

 

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||

Um perfume especial

O cheiro das flores era contagiante, sempre que passava por aquela rua ficava hipnotizada com o cheiro tão característico. Era algo tão diferente pois vivia rodeada por aquele cidade tão cinzenta e sisuda. De facto, aquela florista trazia cor a todo aquele espaço, dava-lhe vida. Para aquela mulher, era o melhor momento de um dia repleto de uma rotina exasperante. Parou um pouco e fechou os olhos, pois queria aproveitar aqueles curtos segundos. Atrás de si, ouviu alguém a resmungar numa voz áspera por aquela paragem tão espontânea e brusca. A hora de ponta era sempre problemática naquela rua emblemática de uma cidade demasiado movimentada. Apenas desejava uma pausa daquele sufoco constante. Aquele seria um fugaz momento para ganhar coragem para mais um longo dia de trabalho. Respirou fundo. O perfume percorreu as suas narinas. Aquela mulher na casa dos 40 anos largou um enorme sorriso, satisfeita por aquele momento libertador. Abriu repentinamente os olhos e regressou ao seu caminho com a esperança renovada. Tinha fé que aquele dia ia correr bem...

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||