Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

Sala de cinema (14) – The Walking Dead

Todas as segundas-feiras à noite há uma rotina constante aqui em casa – ligar o televisor na FOX e ver The Walking Dead. Estou absolutamente rendido a esta série dramática, do qual já não consigo perder um minuto. O suspense e tensão constante tornaram-na no maior sucesso televisivo dos últimos tempos, na estreia da presente temporada foi vista nos EUA por mais de 16 milhões de espectadores.

Baseado na série de quadrinhos com o mesmo nome, The Walking Dead conta a história de um pequeno grupo de sobreviventes de um apocalipse zombie. O grupo é liderado por Rick Grimes (Andrew Lincoln), que ocupava o posto de xerife numa pequena cidade antes do surto de zombies. O enredo da série desenvolvida por Frank Darabont foca os dilemas que o grupo enfrenta, como a luta para manterem-se vivos, os sentimentos confusos e os desafios do dia-a-dia num mundo hostil e praticamente dominado por mortos-vivos. Esse constante perigo vai tornar algumas pessoas mais perigosas do que os próprios zombies de quem se querem esconder...

Esta série norte-americana produzida pela AMC estreou em 2010 e desde aí foi aclamada pela crítica. Na verdade, há momentos simplesmente geniais e de pura arte que são envolvidos numa banda sonora escolhida com mestria! Do melhor que se pode ver na televisão actual! Apesar de por vezes, o enredo ter tendência a ser lento e a exagerar no dramatismo, compensa claramente pelas cenas de acção e mistério que estão muito bem conseguidas. Torna-se interessante a forma como eles exploram cada pormenor do mundo apocalíptico. Especial relevância para as personagens que tem uma enorme densidade e estão em constante desenvolvimento de acordo com os acontecimentos.

É importante ainda focar as caracterizações dos zombies que estão muito bem conseguidas, os detalhes são impressionantes. Naturalmente, a série já arrecadou diversas nomeações e prémios. Destaca-se a vitória como Melhor Série na televisão por cabo (2013) no 39º Annual Saturn Awards, e as nomeações dos Globos de Ouro (Melhor Série Dramática – 2010) e da Guild of America Awards (Melhor Nova Série – 2010). Pessoalmente, é uma série que recomendo especialmente a quem gosta deste tipo de universo, pois tenho a certeza que vai ficar totalmente viciados com a qualidade apresentada. 

O que acham desta série e das temáticas que aborda? Qual foi o vosso momento preferido? Como reagiram se acordassem num mundo apocalíptico?

Sala de Cinema (13) – Os condenados de Shawshank

Os condenados de Shawshank é a pelicula em destaque na décima terceira edição da Sala de Cinema. Lançando em 1994, é um drama norte-americano dirigido por Frank Darabont e protagonizado por Tim Robbins e Morgan Freeman. Um execelente argumento e um desempenho fabuloso dos actores coloca esta película como um dos melhores trabalhos realizados na sétima arte.

Baseado na novela Rita Hayworth and Shawshank Redemption, do escritor Stephen King, o filme retrata o jovem e bem-sucedido banqueiro Andrew "Andy" Dufresne (Tim Robbins) sentenciado a duas penas consecutivas de prisão perpétua pelo assassinato da sua esposa e do seu amante, a serem cumpridas na Prisão Estadual de Shawshank. Rapidamente, ele torna-se amigo de "Red" Redding (Morgan Freeman), um influente presidiário, e começa a ser protegido pelos guardas após o director da prisão passar a utilizá-lo em operações de lavagem de dinheiro. Ao longo das quase duas décadas de Andy na prisão, ele revela-se um interno incomum que procura atingir os seus objetivos através dos seus próprios meios…

Apesar do filme ter uma fraquíssima recepção nos cinemas, arrecadando pouco mais de 28 milhões de dólares (três milhões de lucro em relação ao orçamento), recebeu diversas críticas favoráveis. O filme ocupa o 72° lugar na lista dos melhores filmes norte-americanos do American Film Institute, mas é considerado por muitos críticos como o melhor filme da história. Na lista Top 250 da The Internet Movie Database ocupa a primeira posição, com o maior número de votos. Os condenados de Shawshank receberam ainda sete nomeações para Óscar (melhor filme, melhor actor (Morgan Freeman), melhor argumento adaptado, melhor fotografia, melhor edição, melhor banda-sonora original e melhor som).

 

O que acham deste filme? Qual a explicação para tão pouco sucesso nas bilheteiras? Este é mesmo o melhor filme de sempre ou há outros títulos que merecem essa distinção?

 

 

Avaliação: {#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}{#emotions_dlg.star}