Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

29.Jul.18

Páginas folheadas - As minhas leituras (Julho 2018)

Durante este silêncio dos últimos meses, rodeei-me de palavras. Li muitos (e bons) livros. Perdi-me em enredos apaixonantes, cheios de surpresas e momentos mágicos. Afinal, não há nada melhor do que aproveitar o bom tempo, ficarmos sentados numa sombra de um parque e aproveitar uma tarde para estar mergulhados em doces palavras.

Estou quase a celebrar o meu segundo aniversário em Londres e uma das formas que eu utilizo para melhorar e diversificar o meu vocabulário é ler (muito) em inglês. Apesar de sentir que a minha leitura não é tão veloz, sinto que vou evoluindo a cada obra que leio. Além do mais, com livros entre uma a quatro libras é mesmo impossível resistir em aumentar a minha biblioteca pessoal com novas aventuras! Vou partilhar com vocês as melhores leituras deste mês de Julho.

15823633.jpg

A Ameaça de Ken Follet – Confesso que gosto muito da obra de Ken Follet, a sua escrita é incrivelmente viciante. Em A Ameaça, um poderoso agente antiviral desaparece misteriosamente de uma empresa farmacêutica e cabe a Toni Gallo, responsável pela segurança da empresa, tentar acabar com esta conspiração. Um thriller de ficção-científica repleto de tensão, emoção e paixão!

350x.jpg

Histórias dos Sete Reinos de George R. R. Martin – Para quem é fã da franquia Guerra dos Tronos, este é o livro certo para matar saudades da épica saga. A História dos Sete Reinos é a prequela da história que conhecemos e passa-se 90 minutos antes do enredo original. Esta aventura segue Dunk um cavaleiro que parte em busca de fama e glória num dos mais famosos torneios de Westeros. É aí que conhece o misterioso Egg, numa amizade que vai mudar para sempre a vida dos dois…

aanananana.jpg

American Gods de Neil Gaiman – Neil Gaiman, uma lenda da banda desenhada, arrisca-se na ficção e cria uma obra simplesmente extraordinária. Shadow, acabado de sair da prisão, aceita trabalhar para um estranho, o Mr. Wednesday, que não é nada mais nada menos que a encarnação de um deus antigo. De repente, Shadow vê-se numa guerra entre os deuses antigos e os modernos. Numa road trip pelos EUA cheia de inesperadas aventuras, vemos um incrível desenvolvimento pessoal e emocional das personagens.

 
 

Segue-me em:

Sapo || Facebook || Twitter || Instagram || Youtube || Bloglovin' ||

13 comentários

Comentar post

Pág. 2/2