Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Um Mar de Recordações

Um Mar de Recordações

19.Fev.13

Exclusivo*: Manifestantes calam Miguel Relvas em conferência da TVI (com vídeo da minha autoria)

Miguel Alexandre Pereira
"Relvas hoje vieste à escola?" foi esta uma das palavras de contestação que Miguel Relvas, Ministro Adjunto e dos Assuntos Parlamentares, ouviu quando esta tarde foi silenciado pelo enorme protesto na conferência 'Como vai ser o Jornalismo daqui a 20 anos', organizado pela TVI no ISCTE-IUL , em Lisboa.Num momento em que terminava o último painel da conferência, o ministro entrou na sala e foi vaiado por dois grupos de manifestantes que interromperam os conferencistas. "Demissão", (...)
13.Out.12

‘Público’ dá início à queda dos jornais em Portugal

Miguel Alexandre Pereira
A Sonaecom, detentora do jornal Público anunciou ontem que vai dispensar 48 funcionários, 36 dos quais jornalistas. Esses profissionais representam mais de 25% da redacção, que conta com cerca de 130 redactores. O objectivo, segundo anunciou em comunicado a empresa dona do jornal, é conseguir poupanças de 3,5 milhões de euros por ano.O grupo Soane justifica a decisão com o facto “de a imprensa escrita estar desde há anos a atravessar uma mudança estrutural profunda, à escala (...)
27.Set.12

Exclusivo*: Centros comerciais em risco de fechar

Miguel Alexandre Pereira
Dois centros comerciais, na Margem Sul, estão em risco de fechar devido às fracas receitas que tem registado nos últimos meses. Algumas das grandes marcas destas superfícies comerciais já fecharam as suas delegações ou estão em vias de fechar. O encerramento dos dois estabelecimentos é uma das medidas que está a ser avaliada pelos administradores.Os gestores destas superficeis comerciais estão a tentar encontrar formas de tornar o negócio rentável, mas a grave crise económica (...)
19.Ago.12

O fim anunciado da RTP2

Miguel Alexandre Pereira
António Borges, consultor do Governo para as privatizações confirmou nesta quinta-feira a Judite de Sousa, no ‘Jornal das 8’, na TVI, que “provavelmente a RTP2 vai fechar porque é um serviço caro para a audiência que tem”. O anuncio não causa nenhuma surpresa, até porque há muito se esperava esta medida. O mais estranho nisto tudo é ter sido um funcionário do Governo a anunciar os planos para a estação pública…O canal que iniciou as suas emissões a 25 de Dezembro (...)